21 melhores técnicas de memorização fácil para estudantes

21 melhores técnicas de memorização fácil para estudantes

Como você se lembra de coisas? É fácil? Você tem técnicas de memorização?

Vamos encarar isso, há muitas coisas mais nas quais você precisa prestar atenção na vida hoje do que há 10 anos atrás. Na verdade, agora nós esperamos lembrar, aprender e lembrar instantaneamente cerca de 1.000 mais dados por dia do que o que nossos avós fizeram há 100 anos.

Se sua memória pudesse usar um impulso, essas técnicas são uma maneira de aumentar suas habilidades. Basta lembrar, também há aplicativos de telefone, tomadas de notas de baixa tecnologia e lembretes amigáveis ​​para ajudá-lo a recuperar informações importantes quando você precisar.

Aqui estão 21 formas de melhorar sua memória de fatos sem medicamentos pneumáticos ou especiais complexos e obscuros. E, não, aprender por osmose não está nesta lista!

 

1 – Acrônimos

Pegue a primeira letra de um grupo de palavras que você precisa memorizar e crie uma nova e atrativa palavra. Então, pratique as palavras individuais para que você saiba o que significam cada uma das letras. Esta técnica é favorecida nas escolas primárias porque é fácil ensinar crianças. De todas as técnicas de memória, esta é a mais comum.

O espectro de cores: VLA VAIV – Vermelho, Laranja, Amarelo, Verde, Azul, Indigo, Violeta

 

2 – Acróstico

Este é muito semelhante aos acrônimos, mas em vez de criar uma nova palavra, cada primeira letra é convertida em uma frase fofa.

Ordem de resolução de equações matemáticas – Desculpe, minha querida tia Sueli – Parêntese, Exponentes, Multiplicação, Divisão, Adição, Subtração

A ordem dos planetas é outra frase, mas desde que Plutão foi rebaixado, a maioria de nós não pode mais usar esse antigo.

 

3 – Rhyme-Keys

Nesta técnica, você tem uma lista numerada que precisa permanecer em ordem. Primeiro, você associa uma palavra particular com um número, e geralmente essa associação permanece com você para todas as listas. Então, a lista de palavras se torna parte de uma história em que a palavra associada é anexada à lista de maneira divertida.

coque = one; sapato = dois, árvore = três, etc.

diário, carne, peixe, etc.

Pense em queijo em um coque (um), pares de sapatos em (dois), um saco de grão suspenso em uma árvore (três), etc.

 

4 – Método de Loci

Isso é semelhante à visualização (coberto mais tarde), mas você está associando objetos específicos a um local que você conhece e definindo um gatilho para lembrá-los todos.

A maioria das pessoas faz isso lembrando como seus armários se parecem. Para fazer isso com sucesso, você deve ter visualizado claramente colocar o novo alimento ou tirar o último alimento para se lembrar corretamente.

Este método funciona para algumas pessoas, mas muitas vezes não é usado.

 

5 – Palavra-chave

Ao aprender um novo termo ou palavra em outro idioma, você pode criar um visual ou rima com as palavras que você conhece para recordar o novo termo. Esta é uma técnica de lembrete, na verdade não ajudará você a recuperar informações exatamente até você aprender.

Latim: olher – Ele só pode ver quando seus óculos estão acesos.

 

6 – Associações de nome de imagem

Isso funciona melhor com os nomes. Você assume uma característica particular de uma pessoa e associa-a com seu nome. Pessoas que são excelentes com nomes podem escolher o recurso particular para uma pessoa e conectá-lo corretamente. Esta técnica requer prática, e muitas pessoas começam por anotar a informação primeiro.

Francisco – Olhos Azuis – Francisco dos olhos azuis.

 

7 Encadeamento

Quando há uma série de termos ou palavras que você precisa memorizar, especialmente se estiverem em ordem, crie uma história que o leve à próxima palavra.

O lago tem altos níveis de mercúrio e envia suas fecundas mensagens a Vênus, que se ruboriza e responde à Terra, a respeito de seu Pai Marte e do Avô Júpiter, sobre o oceano de Saturno, enquanto viram uma criança brincando nua nas águas de Urano e Netuno. Usamos as palavras de gatilho referentes à mitologia romana para lembrar a ordem dos planetas.

 

8 – Dormir sobre isso

Estudos mostram que, quando dormimos 15 minutos depois de aprender um tópico complexo, nossos cérebros avaliam e reaprender o tema em nosso sono. Além disso, esse tópico tem conexões neurais que se solidificam 50% mais rápido do que quando você não dorme.

Isso só funciona quando o período de estudo é bem atendido e você não está adormecido lendo isso ou na aula. Este é também um dos poucos amplificadores da memória natural que todos nós podemos fazer sem recorrer a um suplemento, droga ou outros meios artificiais.

 

9 – Detalhamento

As pessoas que podem lembrar detalhes sobre um objeto particular muito bem têm uma técnica de detalhamento. Eles são capazes de associar esses detalhes com a imagem inteira, porque eles tomam tantos detalhes sobre esse objeto.

Isso pode ser aplicado aos tópicos que você está aprendendo. Na minha classe de Química Inorgânica Avançada, precisávamos aprender sobre orbitais de elétrons e como eles se misturam e combinam. Eu consegui detalhar todos os possíveis jogos e consegui ver um padrão. Eu consegui detalhar esse tópico específico e ainda retém esse conhecimento até hoje.

 

10 – Visualização

Um passo a passo de um Método de Loci, a visualização cria imagens e sequencias em torno de certos objetos. A meditação geralmente usa a visualização e a maneira inconsciente de que a mente é capaz de processar informações.

Se você precisa trazer um pacote com você, você pode visualizá-lo sentado no banco ao seu lado no carro. Segurar essa imagem toda vez que você olha seu pacote criará um sentimento de pertença. Então, quando você entrar no carro, se o seu pacote não estiver no lugar certo, você saberá.

Se você está aprendendo a aumentar sua memória, esta é uma ótima técnica para começar a entender como as memórias se formam.

 

11 – Aprender por erro

Para algumas pessoas, deliberadamente cometeu um erro e anexar a emoção do erro à resposta errada pode levar a lembrar a resposta correta. A emoção negativa é um gatilho mais forte do que o elogio para corrigir isso. As crianças que estão em casas abusivas ou conduzidas ao perfeccionismo frequentemente utilizam essa técnica.

Isso funciona bem para escolher uma das poucas respostas, como usar bicarbonato de sódio em vez de fermento em pó. Não é uma técnica útil para coisas como nomes.

 

12 – Repetição – Ouvindo

Algumas pessoas podem aprender ouvindo algo repetidamente. Essas pessoas são aprendizes auditivos. Muitas vezes, aprender um idioma é a repetição pela escuta. Palestras, livros de áudio e sermões são atraentes para as pessoas que aprendem dessa maneira.

 

13 – Repetição – Fazendo

A maioria das pessoas é capaz de aprender uma nova habilidade repetidamente fazendo algo repetidamente. Essas pessoas são aprendizes físicas. Esportes, artes marciais, música e desenho são aprendidos pela repetição fazendo.

Esta é uma habilidade empregada pela maioria dos locais de trabalho. A força de trabalho ensina as pessoas por demonstração e, em seguida, permite que a pessoa a repita. Para a maioria das pessoas, isso é aceitável. Mas, se você é de um tipo de aprendizagem mais introspectivo, isso é muito perturbador.

 

14 – Repetição – Leitura

Os fatos podem ser aprendidos pela força quando são lidos várias vezes. A maioria das ciências é aprendida pela repetição pela leitura. Existem algumas pessoas que são capazes de ler sobre um tópico e entender o que está acontecendo e como fazê-lo.

Infelizmente, apenas retemos cerca de 10-25% do material que lemos pela primeira vez. Para estudantes de introspecção, ler algo 2-3 vezes coloca a curva de aprendizado para 90%.

 

15 – Organizar

Se você tem uma lista de coisas para lembrar, organizar a lista em um fluxo previsível pode ajudá-lo a juntar a informação faltando.

Ao pegar 8 objetos do supermercado, se você ignorar o sabão de banho (# 5 na lista), você saberá quando bateu na comida para cães (# 6) que algo estava faltando. Então, você pode voltar sobre sua lista e encontrar o item em falta.

16 – Revestimento de histórias

Para pessoas com boa imaginação, criar uma história a partir dos itens que você precisa aprender cria uma maneira divertida e diversificada de lembrar tópicos mais complexos. A história quebra os itens para facilitar a identificação de peças e encadeia-os de maneira previsível. Você pode então passar pela história enquanto procura a informação.

Esta é a base da maioria dos mitos e lendas. No texto original, você encontrará peças de informação repetidas e as histórias ocorrendo em uma ordem previsível. Isto é para se certificar de que, à medida que as histórias passaram através das gerações, elas permaneceram as mesmas.

 

17 – Dramatizar

Os atores muitas vezes lerão suas linhas e as interpretarão de forma exagerada para aprender as partes. Acionar a informação de forma dramática pode criar associações para ajudá-lo a lembrar as informações necessárias. Um pouco de constrangimento também aumenta a nossa probabilidade de lembrar.

 

18 – Única linha

Outra técnica de atuação é aprender uma única linha por vez. Dois pedaços de papel são usados ​​para bloquear todas as outras informações e a linha é lida. Então, a linha anterior é lida e o ator recita a próxima linha. Isso cria associações positivas para cada linha e a linha desencadeante antes dela.

Muitos atores de TV atribuem essa técnica para aprender suas linhas em períodos de tempos muito curtos. Quando praticado e usado corretamente, a maioria dos atores pode memorizar um show inteiro de 30 minutos em menos de 2 horas.

 

19 – Caminhando

Estudos mostram que o ato de andar aumenta a formação de memória em 25%. O movimento permite que partes de nossos cérebros sejam ociosas durante o estudo em repouso para ativar. A capacidade de caminhar inconscientemente permite que a mente consciente se concentre mais na tarefa a ser aprendida.

As crianças com TDAH se beneficiam desta técnica porque também ajuda a gastar energia nervosa enquanto estuda. Um estudo sobre os pacientes de Alzheimer também encontrou atividades de atividade física para retardar os processos de perda de memória. É uma das maneiras de evitar perda de memória, ou aprender a aumentar sua memória de trabalho.

 

20 – Enganando Folhas / Ser alimentado pela linha A

A atriz Angela Lansbury foi famosa por usar um fone de ouvido para alimentar suas linhas durante a gravação de um programa de TV, e mais importante, durante sua corrida na Broadway. Ser solicitado com uma parte da informação foi suficiente para permitir que ela, e muitos outros, continuem durante os tempos em que a velhice a roubou de memória extensa.

Nós não defendemos a trapaça de um teste, no entanto, uma cheatsheet pode ajudá-lo a estudar. Basta escrever o começo do que precisa aprender e permitir que sua mente forneça a informação perdida. Embora isso não melhore sua memória, pode ser uma maneira rápida de recuperar informações.

 

21 – Cópia da mão

Os alunos que escreverem suas anotações e atribuições podem lembrar até 80% mais da informação do que aqueles que usam dispositivos eletrônicos. A escrita manual estimula uma parte do cérebro que incorpora as partes físicas, auditivas e inteligíveis de nossos processos de aprendizagem. A combinação fornece mais aprimoramentos de memória do que outras técnicas.

Em áreas onde as revisões finais são mais comuns, espera-se que a maioria dos alunos reescreva suas anotações no final do ano e organize a informação. O ato de reescrever é uma técnica de memória.

 

Conclusão

Dicas de melhoria de memória são boas, mas não tente todas estas ao mesmo tempo. Um ou dois são suficientes para aumentar sua maneira particular de aprender. As estratégias de memória são um processo para construir técnicas fáceis e rápidas. Como qualquer outra habilidade, é preciso prática e dedicação.

Se tudo mais falhar, existem vários aplicativos para melhorar a memória disponível online. Alguns são gratuitos, a maioria é paga. Muitos permitem lembretes múltiplos e lembretes repetitivos. E não desista. Algumas pessoas não poderão se lembrar de alguns aspectos da informação. Isso está ok. Estes e outros auxiliares externos irão melhorar sua vida se você os usar.